sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Musica


Apaixonei-me por esta musica desde que engravidei da minha 1ª filha.
Dedico-a todos os dias a elas.
Sempre que a ouço ... lá vem uma lágrima...
Tudo nesta vida é por elas!!!


quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Mais 1 selo. "Selo de Qualidade"



Muito obrigada pelo selinho Carla e B.V à qual desejo muita força!
Aproveito para agradecer todas as palavras de conforto, solidariedade, força, etc deixadas por todas vocês.
Quem está longe parece compreender-nos melhor do que quem está próximo fisicamente.
Encontro-me bem, mas o acumular de situações faz com que chegue a um ponto que se "arrebenta".
Eu sei que é melhor falar-se na hora mas há situações que mais vale calarmos-nos para não piorar.
Obrigada do fundo do coração a todos!!!
Bjs

sábado, 22 de janeiro de 2011

(desabafo) Estou cansada de (quase ) tudo...


 Estou cansada! cansada de ter que as vezes ser o que não sou para agradar as pessoas.
Cansada de sorrir quando sinto uma enorme vontade de chorar, chorar até extravasar ou secar minhas lágrimas, que luto para que não inundam o meu rosto por achar que não se vale a pena.
Cansada de fingir sentir o que não sinto e tantas vezes fingi apenas para agradar aqueles que, nunca se importaram em saber se estavam me agradando.
Cansada de dizer palavras sinceras tão sinceras que mesmo assim foram duvidadas não acreditadas ou simplesmente jogadas no lixo ou debochadas, acima dessa sinceridade fora massacradas por certos convencimentos, esnobismo e mania de grandeza.
Cansada! de ouvir e nunca ser ouvida com a mesma atenção, com a mesma paciência, na maior boa vontade que eu, quantas vezes sem que pudessem ver a tristeza que se estampava em meus olhos por achar que devia ter feito mais ou quando achava que havia fracassado em ajudar quem tanto precisava da minha ajuda. para depois ganhar um beijo, o beijo da traição da falsidade, da mediocridade, o beijo que arde e machuca.
Cansada por ter que entender todos em quanto na primeira oportunidade esse mesmo todo lança uma faca em minha costas,chegando a perfurar o meu coração sem se importar com a profundidade do buraco e sorrir depois do estrago semdor na consciência se agiu certo ou errado não importa deixam a faca cravada lá para mutilar aos poucos.
Cansada! de viver brincando fazendo brotar sorrisos dos lábios das pessoas ou arrancando boas gargalhadas e ser tachada de engraçada, sempre com as mãos no coração das pessoas amenizando a suas dores, fazendo-as esquecer por um momento com esse meu jeito louco de ser os seus desespero, suas solidão, depressão e fracassos ou mesmo as dores do amor a dor da rejeição ou a dor da doença, para depois virem com palavras ásperas, duras, amargas, frias .
Cansada! de pessoas que não me conhecem não convivem comigo, nunca me viram, dizer que fiz ou disse isso ou aquilo e na hora da satisfação a pessoa simplesmente coloca uma cara de anjo e tira o corpo fora para não se afogar em suas próprias acusações sem ter como se defender esquece da educação ou fingi esquecer sem nem um pedido de desculpas de ambas as partes a que disse a que acreditou, simplesmente somem e se calam assustadoramente em uma atitude covarde.
Cansada de perdoar setenta vezes sete, a cada chapada que me davam, e a cada perdão na próxima levar um murro na boca do estomago onde o dia inteiro arrasada a me perguntar
o por que desse soco...
Cansada! de acharem que sou metida, que o meu jeito de ser é forçado mesmo depois de meses virem que não mudei nem uma virgula, não gosto do meu andar, do meu modo
de falar odeio a minha voz, detesto a cor dos meus olhos e o meu olhar e mais ainda odeio o jeito de gesticular com as mãos e odeio quando pego para conversar sério e ser tachada de inteligente esses complementos odiosos me deram muitos traumas, e afastamentos
de amigas que eu adorava e que pensava que sentiam o mesmo por mim.
Estou cansada, cansada, cansada....
Não tenho paciência para os que mais amo, dou por mim a ter atitudes inexplicáveis, a odiar tudo e todos, a ter vontade de me meter num buraco e gritar bem alto...porquê!????? 
A muito não choro, não quero chorar, mas o dia que meu corpo repousar para todo o sempre, deixarei que minha alma chore e derrame todas as lágrimas que segurei.
Estou cansada...
:(

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Iscas de fígado de porco


Já tinha colocado aqui esta receita mas, desta vez alterar o corte do fígado e fritei depois da cebola.



Cortei um fígado de porco em iscas (febras pequeninas)


Temperei com pimenta...


Alho em pó...


e sal...


Numa frigideira aqueci uma gregideira com azeite um dente de alho esmagado e uma folha de louro...


Cortei 2 cebolas grandes às rodelas finas e adicionei ao azeite até ficarem translucidas...


Reirei a cebola para um prato e no mesmo azeitei fritei o fígado, como estava cortado fininho foi num instante...


Juntei a cebola que estava no prato para reaquecer e apurar sabor...


Acompanhei com batatas cozidas.




quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Lombo recheado com farinheira

Aqui está uma receita já à muito ansiada. Não sou muito adepta de lombo, é muito seco. Mas esta mistura melhorou o lombo a 100%.


Comprei uma farinheira à qual retirei a pele e esmaguei-a com um garfo.
Cortei o lombo(ou se preferir pode fazer um buraco a meio)


Fui recheando com  a farinheira...


e pimentos...



Fechei bem com auxilio de palitos...



Coloquei numa assadeira e reguei com uma mistura de massa de pimentão, alho, pimenta, vinho branco, louro, sal, knorr (alho e pimentão) e por cima umas nozes de margarina...


Acompanhei com batatas e cenouras assadas.




Uma delicia.

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Nestlé - Bebidas de cereais


Inscrevi-me no site da Nestle e pedi amostras destes produtos, que por acaso já tinha experimentado o Cereais e Fibras, mas se é de graça, toca a pedir...



Retirei as saquetas de cada folheto e coloquei na lancheira, na hora de pausa do trabalho fui à máquina de cafés e tirei um copo com leite simples e adicionei uma saqueta...soube-me pela vida :)

Se é dado...tou cá eu para receber...lol